O 2.º Ciclo, a partir da articulação com o 1.º Ciclo, desenvolve-se com base na organização curricular sugerida pelo Ministério da Educação e
Ciência.

Os alunos vão ser trabalhados nas diversas áreas curriculares com o objetivo de se apresentarem no secundário com a maior solidez intelectual e física. Vai-se dar especial notoriedade às áreas curriculares de Português, Matemática e Inglês, bem como ao gosto pelas Ciências, quer na sua vertente exata, quer na sua vertente social, bem como a arte, a atividade física.

Defende-se que na organização e gestão dos currículos é essencial a manutenção da coerência e sequencialidade entre os ciclos; a integração do currículo e da avaliação no processo de ensino aprendizagem; as áreas curriculares devem promover aprendizagens significativas e a formação integral dos alunos, articulando e contextualizando os saberes; a educação para a cidadania deve ser transversal e fazer parte de todas as áreas; integração das dimensões teórico práticas na valorização das aprendizagens experimentais, especialmente, o ensino das ciências; racionalização das cargas horárias letivas; ter autonomia para elaborar o projeto curricular adequado e integrado no projeto educativo; desenvolvimento de competências ao nível das TIC, diversificando metodologias e estratégias de ensino e atividades de aprendizagem; diversificar ofertas educativas para alcançar os objetivos de cada ciclo, tendo em conta as características de cada aluno.

Plano Curricular

Diretivas programáticas do Ministério da Educação e Ciência;

Apoio Pedagógico;

Robótica;

Programação 3D;

Informática;

Organização e Métodos de Estudo.

Manuais escolares
Fardas